Header image

Distinção Imigração Alemã RS 2015

Postado por ACG - Associação Cultural Gramado domingo, 5 de julho de 2015 Marcadores: , ,

Martin Dreher receberá Prêmio Distinção Imigração Alemã RS 2015 pela Região Metropolitana. A solenidade de entrega do prêmio com jantar típico está marcada para o próximo dia 18 de julho, no Centro Cultural 25 de Julho de Porto Alegre, às 19h30min. Convites pelo tel. (51)3342.8733 ou pelo e-mail comissaoimigracaoalemars@gmail.com

Martin Norberto Dreher é natural de Montenegro/RS, onde nasceu a 10 de novembro de 1945. Seus primeiros antepassados, originários do Principado de Birkenfeld, então integrado ao Ducado de Oldenburg, chegaram ao Rio Grande do Sul em dezembro de 1825, dando origem a pequenos proprietários nas picadas, a artesãos e a navegadores fluviais nos novos centros urbanos do Rio Grande do Sul. Estiveram, assim, envolvidos na Guerra Cisplatina, na RevoluçãoFarroupilha, no Conflito Mucker e sofreram as agruras decorrentes do fato de, no aspecto religioso, serem parte do primeiro grupo de dissidentes religiosos a se fixar definitivamente no Brasil. 

Pelo lado materno, Dreher descende de imigrantes alemães originários de Württemberg e do Sarre que se estabeleceram na Província de São Paulo para atuar como pastores e professores entre alemães e suíços de fala alemã que atuavam como meeiros nas fazendas de café da região de Campinas. Uma irmã de sua bisavó foi a primeira diretora do Hospital Alemão de Porto Alegre. A história familiar, muito presente em lar humilde, o envolvimento na Comunidade Evangélica de Confissão Luterana e sua luta para reerguer a escola dos imigrantes marcaram sua formação e sua futura atividade profissional. Após estudos preparatórios em Montenegro na Escola Sinodal Progresso e no Ginásio São João Batista, dirigido por Irmãos Maristas, frequentou, em São Leopoldo, o Instituto Pré-Teológico, um curso humanístico, e a Faculdade de Teologia, hoje integrada nas Faculdades EST. Seguiu-se doutorado em Teologia, com concentração em História da Igreja, na Universidade de München, concluído em 1975. O doutorado e a posterior docência nas Faculdades EST e na Universidade do Vale do Rio dos Sinos determinaram sua carreira como professor e pesquisador, orientador, conferencista, organizador de seminários e simpósios, sem jamais deixar de atuar também como pastor da Igreja Evangélica de Confissão Luterana. De sua produção intelectual resultaram, entrementes, cinquenta livros, diversos dos quais reeditados, artigos em revistas especializadas, edições de fontes e a participação na confecção das enciclopédias Religion in GeschichteundGegenwart, ReligionPastandPresent, GermanyandtheAmericas. Culture, Politics and History e The Cambridge Dictionary of Christianity. Suas publicações e orientações acadêmicas a nível de graduação, mestrado e doutorado estão dedicadas à História da Igreja na América Latina, à História da Imigração e Colonização na América Latina e à Reforma Religiosa do Século XVI.

No que tange a sua atuação em prol da cultura alemã no Rio Grande do Sul merecem destaque suas conferências e seus estudos sobre a imigração e colonização alemãs. Elas iniciam com a publicação da tese Kirche und Deutschtum in der Entwicklung der Evangelischen Kirche Lutherischen Bekenntnisses in Brasilien (1978), com duas edições brasileiras sob o título Igreja e Germanidade. Estudo crítico da história da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil, tem sequência com a publicação de diversas contribuições presentes nos Anais dos Simpósios sobre Imigração e Colonização Alemãs do Instituto Histórico de São Leopoldo e tem expressão maior nos livros Imigração Alemã no Rio Grande do Sul – Recortes, Hermann Gottlieb Dohms – Textos Escolhidos, Degredados de Mecklenburg-Schwerin e os Primórdios da Imigração Alemã no Brasil, Wilhelm Rotermund, Seu Tempo – Suas Obras, 190 Anos de Imigração Alemã no Rio Grande do Sul. Esquecimentos e Lembranças. 

Não sem importância para a cultura trazida pelos imigrantes alemães ao Rio Grande do Sul estão seus estudos sobre a religião dos imigrantes, em cujo contexto deve ser situada a edição de fontes sobre Martim Lutero e a obra recente De Luder a Lutero. Uma biografia.  No prelo encontra-se obra dedicada ao movimento Mucker e que leva por título A Religião de Jacobina.

0 comentários:

Postar um comentário